Git: introdução parte 3

Git básico para principiantes

Este é o terceiro post desta sequência. Caso não tenha visto ou queira dar uma revisada confira os posts Git: introdução parte 1 e parte 2.

Na parte 1 vimos como:

  • Criar um repositório
  • Adicionar modificações
  • Criar um commit

Na parte 2 vimos como:

  • Criar um novo branch (ramo)
  • Trocar o branch ativo
  • Merge (fundir) dois branches

Nesta terceira parte vemos como trabalhar com repositórios remotos:

  • Clonar um repositório
  • Adicionar um novo repositório
  • Obter novos commits de um repositório
  • Enviar novos commits para um repositório

Continue lendo “Git: introdução parte 3”

Git: introdução parte 2

Git básico para principiantes

Este é o segundo post desta sequência. Caso não tenha visto ou queira dar uma revisada confira o post Git: introdução parte 1.

Na parte 1 vimos como:

  • Criar um repositório
  • Adicionar modificações
  • Criar um commit

Aqui  na parte 2 vemos como:

  • Criar um novo branch (ramo)
  • Trocar o branch ativo
  • Merge (fundir) dois branches

Continue lendo “Git: introdução parte 2”

Git: introdução

Git básico para principiantes

“Git é um sistema de controle de versão grátis e de código aberto, projetado para gerenciar desde pequenos até grandes projetos com velocidade e eficiência.” – git-scm.com

Git
Git

Git foi inicialmente desenvolvido por Linux Torvalds para substituir o antigo sistema de controle de versão que utilizavam, o qual perderam o direito de utilizar. Para criá-lo passou duas semanas longe do desenvolvimento do kernel Linux, votando sua atenção apenas para encontrar a solução deste problema urgente que encaravam.

Git é bastante complexo e, no início, difícil de entender. Porém aos poucos compreende-se como as coisas funcionam e então passam a fazer sentido.

Por isso veremos uma breve introdução aos comando essenciais e em posts futuros veremos outros recursos.

Para iniciarmos o uso do Git precisamos conhecer três coisas básicas, que veremos neste post:

Criar um repositório.
Adicionar modificações.
Criar um commit.

Continue lendo “Git: introdução”