Git: introdução parte 3

Git básico para principiantes

Este é o terceiro post desta sequência. Caso não tenha visto ou queira dar uma revisada confira os posts Git: introdução parte 1 e parte 2.

Na parte 1 vimos como:

  • Criar um repositório
  • Adicionar modificações
  • Criar um commit

Na parte 2 vimos como:

  • Criar um novo branch (ramo)
  • Trocar o branch ativo
  • Merge (fundir) dois branches

Nesta terceira parte vemos como trabalhar com repositórios remotos:

  • Clonar um repositório
  • Adicionar um novo repositório
  • Obter novos commits de um repositório
  • Enviar novos commits para um repositório

Continue lendo “Git: introdução parte 3”

Git: introdução parte 2

Git básico para principiantes

Este é o segundo post desta sequência. Caso não tenha visto ou queira dar uma revisada confira o post Git: introdução parte 1.

Na parte 1 vimos como:

  • Criar um repositório
  • Adicionar modificações
  • Criar um commit

Aqui  na parte 2 vemos como:

  • Criar um novo branch (ramo)
  • Trocar o branch ativo
  • Merge (fundir) dois branches

Continue lendo “Git: introdução parte 2”

Git: introdução

Git básico para principiantes

“Git é um sistema de controle de versão grátis e de código aberto, projetado para gerenciar desde pequenos até grandes projetos com velocidade e eficiência.” – git-scm.com

Git
Git

Git foi inicialmente desenvolvido por Linux Torvalds para substituir o antigo sistema de controle de versão que utilizavam, o qual perderam o direito de utilizar. Para criá-lo passou duas semanas longe do desenvolvimento do kernel Linux, votando sua atenção apenas para encontrar a solução deste problema urgente que encaravam.

Git é bastante complexo e, no início, difícil de entender. Porém aos poucos compreende-se como as coisas funcionam e então passam a fazer sentido.

Por isso veremos uma breve introdução aos comando essenciais e em posts futuros veremos outros recursos.

Para iniciarmos o uso do Git precisamos conhecer três coisas básicas, que veremos neste post:

Criar um repositório.
Adicionar modificações.
Criar um commit.

Continue lendo “Git: introdução”

Vídeo: Dieta de pouca informação

Uma das formas de tornar-se mais produtivo é através de uma dieta milagrosa. Porém a dieta em questão é uma dieta com baixas quantidades de informação.

Estamos cada vez mais nos desviando para o caminho da cultura da distração, onde telefones e outros aparelhos nos interrompem o tempo todo, atrapalhando nossos momentos de criação, cortando nossa linha de  raciocínio, despertando-nos do descanso. Isso tudo pela justificativa de nos “informar” sobre algo.

Não é necessário estar por dentro de tudo o que acontece pelo país, pelo mundo ou na linha do tempo de redes sociais. O que precisamos saber é que nem tudo é importante. Também é importante saber que podemos reservar tempo para atividades-distração e devemos permitir-nos períodos de foco e concentração.

Como distribuir seus pontos no RPG?

Como distribuir seus pontos no RPG?

Em vários jogos de RPG o jogador precisa a cada nível distribuir uma certa quantidade de pontos entre vários atributos. O dilema é: em qual atributo deve-se investir mais pontos?

Para isso precisamos seguir os seguintes 4 passos:
1. Definir o objetivo que deseja atingir com estes pontos
2. Identificar os atributos do jogo que influenciam no seu objetivo
3. Formular a equação que relaciona o seu objetivo com os atributos
4. Otimizar a distribuição para obter o melhor desempenho dos seus pontos

Dito isso, suponhamos que em um dito jogo queiramos otimizar o dano do personagem.

Continue lendo “Como distribuir seus pontos no RPG?”

Arduino: Gravando com plugin AVR-Eclipse

Gravando com plugin AVR-Eclipse

Assim como o post Arduino: AVR Cross-Compile com Eclipse IDE também tem o se modo easy, o post sobre Arduino: Gravando AVR com Eclipse IDE, também tem o seu próprio modo easy com o plugin AVR-Eclipse.

O plugin AVR-Eclipse e sua documentação pode ser encontrado no site http://avr-eclipse.sourceforge.net.

Neste tutorial veremos como:

Configurar o plugin AVR-Eclipse para gravar o microcontrolador utilizando o Avrdude.

Continue lendo “Arduino: Gravando com plugin AVR-Eclipse”

Arduino: Plugin AVR-Eclipse

Configurando plugin AVR-Eclipse

Depois de mostrar como as coisas funcionam no modo hard no post sobre AVR Cross-Compile com Eclipse IDE, agora vamos ver como fazer do modo easy, utilizando o plugin AVR-Eclipse.

O plugin AVR-Eclipse e sua documentação pode ser encontrado no site http://avr-eclipse.sourceforge.net.

Neste tutorial veremos como:

Instalar o plugin AVR-Eclipse.
Criar um projeto para microcontrolador ATmega328P.
Criar o arquivo HEX para gravação.

Continue lendo “Arduino: Plugin AVR-Eclipse”

Arduino: Gravando AVR com Eclipse IDE

Arduino: Gravando AVR com Eclipse IDE

TLDR; Este tutorial mostra como gravar um microcontrolador AVR ATmega328P com a IDE Eclipse utilizando o Avrdude.

Já vimos como compilar um programa para microcontroladores AVR no post AVR Cross-Compile com Eclipse IDE, mas compilar é meio inútil sem poder gravar o programa no microcontrolador, não é?

Pois então é pra já que vamos resolver isso!

O Avrdude é uma ferramenta para programação de microcontroladores AVR. Ele funciona com uma variedade enorme de gravadores, sendo utilizado pela Arduino IDE para a gravação dos programas criados.

Neste post veremos como configurar uma ferramenta externa no Eclipse que realiza a gravação

Continue lendo “Arduino: Gravando AVR com Eclipse IDE”

Arduino: AVR Cross-Compile com Eclipse IDE

Arduino: AVR Cross-Compile com Eclipse IDE

TLDR; Este tutorial mostra como configurar uma cross-compilação para AVR na IDE Eclipse.

Apesar de não gostar muito do ambiente do Visual Studio, por um bom tempo utilizei o Atmel Studio para desenvolver meus códigos para AVR. Deixei a IDE Eclipse de lado pela facilidade que o Atmel Studio oferece, onde tudo já vem pré-configurado e com um poderoso simulador.

Mesmo utilizando o Atmel Studio por um bom tempo, mantive a preferência pela IDE Eclipse e me fiz percorrer os caminhos das pedras e configurar uma cross-compilação para AVR no Eclipse.

Diz-se cross-compilação, ou cross-compile, quando se está compilando código para um ambiente diferente do qual está sendo realizada a compilação. Por exemplo, compilando código para AVR em com o Windows, ou compilando código para Windows em um ambiente Linux.

A intenção deste tutorial é mostrar os passos para configurar uma cross-compilação manualmente, portanto não vamos utilizar o plugin Eclipse-AVR. Também não vamos abordar a gravação do código com AVRDUDE.

Continue lendo “Arduino: AVR Cross-Compile com Eclipse IDE”

Arduino: Instalando WinAVR

Arduino: Instalando WinAVR

Mesmo não havendo grandes dificuldades para a instalação do WinAVR existe um detalhe que não está resolvido para as versões mais recentes do Windows (8.1, 10 ou ainda anteriores).

A instalação do WinAVR é bastante simples, basta realizar o download do executável disponível no SourceForge https://sourceforge.net/projects/winavr/ e seguir os passos.

Até aqui tudo bem. Mas é na hora de compilar que chegamos encontramos o problema. Vemos na tela uma mensagem de erro com um valor em hexadecimal.

“O aplicativo não pode ser inicializado corretamente (0xc0000142). Clique em OK para fechar o aplicativo. OK.”

Continue lendo “Arduino: Instalando WinAVR”